colloidal silver

TRATANDO CANDIDIASE DE REPETIÇÃO COM A PRATA COLOIDAL

Postado em

A candidíase é uma infecção ginecológica causada pelo fungo da cândida, geralmente cândida albicans, mas algumas vezes pode ocorrer de outras espécies não albicans como: glabrata, tropicalis, krusei, parapsilosis e saccharomyces cerevisae. Para saber qual espécie afetou você e fazer o tratamento medicamentoso correto junto ao seu médico, você precisa fazer um exame para identificar o tipo de fungos. 

Também pode causar infecção na pele, unhas, garganta, intestino, boca e corrente sanguínea. Mas fiquem tranquilas porque, quando isso acontece, a candidíase já acometeu aquele local em específico. A cândida que você pode ter na genital não irá se espalhar para esses lugares. 

A cândida causa Coceira, Dor na região, Vermelhidão, Corrimento vaginal branco e espesso, algumas vezes semelhante à nata. 

TIPOS 

Candidíase vaginal. … 

Candidíase masculina (balanopostite) 

Candidíase oral. … 

Candidíase de esôfago. … 

Candidíase na pele (Intertrigo) 

Candidíase invasiva. 

Dentre inúmeras causas temos: 

– Falta de higiene 

– Limpeza incorreta após defecar 

– Queda imunológica 

– Uso de hormônios e antibióticos que fazem cair a imunidade 

– Alteração de PH vaginal por conta de stress, alimentação e medicação. 

– Contaminação por relação sexual ou alteração de PH. 

– Deficiências minerais e vitamínicas que fazer o sistema imunológico cair. 

Sabemos que tem haver com o PH vaginal e imunidade de cada mulher, mas o que afeta o PH vaginal e a imunidade? Por trás de toda a fisiologia humana, existem comportamentos, pensamentos e hábitos que interferem. 

Tem sido cada vez mais comprovado que o estresse é o causador de muitas doenças. Todas as outras emoções também têm igual importância para o desenvolvimento de enfermidades, disfunções ou manifestações sintomáticas no corpo. 

No caso da candidíase, as emoções que podem ocasionar a infecção são: 

– Sensação de dispersão, frustração e/ou raiva; 

– Se sentir obrigada a ter que estar em alguma posição que não gostaria, como em um emprego que tem suas vantagens e paga as contas, mas não te faz se sentir bem mais; 

– Exigências abusivas nas relações; 

– Desconfiança dentro do relacionamento; 

– Não se adaptar ao sexo da pessoa; 

– Sentir-se obrigada a ter relação sexual sem estar com vontade ou sentir vontade e não fazer; entre outros. 

Dessa forma, não basta usar a prata coloidal, é preciso ir mais além observando a alimentação, seus hábitos e emoções e tudo que pode causar queda imunológica e alteração do Ph da região vaginal, do contrário, nem a prata e nem Deus podem te ajudar se você não mudar. 

COMO USAR A PRATA 

INGERIR 

Prata de 20ppm : 15 ml dia para uma média de peso de 70 kilos, de 20 a 60 dias ou mais + mudança de hábitos. 

Pode fazer duchas vaginais com a prata de 100ppm uma vez ao dia em casos mais severos. 

Borrifar a prata de 100 ppm nas roupas intimas e deixar secar, também pode usar no enxague. 

ONDE COMPRAR
Caso deseje temos a prata individual e um kit: 

20 ppm: https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-1359962669-prata-coloidal-20-ppm-1l-naturals-pronta-ingerir-promoco-_JM?quantity=1&variation=460843569

100 ppm: https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-1359967694-prata-coloidal-naturals-brazil-100-ppm-1li-adaptar-a-dose-_JM?quantity=1&variation=46084481462

20 E 100 PPM: https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-1361062581-prata-coloidal-20-ppm-1l-1l-de-100ppm-naturals-brazil-_JM
LOJA:https://www.naturalsbrazil.com.br/prata-coloidal-1-litro 

Você tem direito a um frasco spray 30 ml spray, spray nasal ou gotas por litro. Só avisar que precisa para ser enviado, se caso não disser nada não será enviado.

PRATA COLOIDAL E CÂNCER

Postado em

Muitas pessoas estão usando a prata com a esperança de retroceder o câncer e outras vem a até nós para perguntar como usar.

É preciso esclarecer algumas coisas.

Há pesquisas enormes na Revista de Ciências Biológicas dos Estados Unidos, onde usando nano partículas de prata puras ou associadas a outras substâncias em testes em tumores, porém verifica-se que funciona em um ou outra inibindo as enzinas que fazem as células tumorais crescerem ou até atuando diretamente sobre elas.

Em alguma casos de câncer de próstata, de pele e de mama, em poucas células, pois há muito o que pesquisar sobre a prata coloidal e demais nano partículas metálicas.

Não há como fazer promessas de sucesso com base nessas pesquisas, pois cada pessoa é única e cada caso é um caso, porém sabe-se que ela atua bloqueando a multiplicação dos vírus, mata fungos e bactérias, inclusive várias super bactérias. Isso de fato ajudará muito, pois o paciente com câncer tem o sistema imunológico afetado profundamente, além do emocional que causa uma queda absurda da imunidade.

Também sabemos que alguns fatores como:

– Sangue ácido

– Metais pesados no sangue

– Fungos, vírus e bactérias.

– Vermes (parasitas em geral)

– Alimentação rica em gorduras saturadas, farinha de trigo branca e açucares.

– Deficiências minerais e vitamínicas, somadas, levam o individuo a ser um sério candidato a ter câncer.

Existe uma especialidade chamada Morfologia do Sangue vivo que pode curar ou dar qualidade de vida a pacientes terminais, onde faz-se uso da prata coloidal, suplementações e dieta adequada para eliminar “sujeira do sangue” e restaurar o equilíbrio do organismo.

Busque um profissional desse e consulte.

Com relação a prata, há uma reticência que se refere a dosagem:

TOMANDO A PRATA COLOIDAL EM ESTADOS GRAVES

Deve-se iniciar com doses baixas de 1 ml e ir aumentando a cada 3 ou 5 dias de Prata coloidal de 20 ppm. Por quê?

Como o paciente costuma estar com um ou mais patógenos, pode ocorrer a reação de Jarisch Herxheimer, que é uma reação parecida com uma alergia severa causa pelas toxinas que as bactérias eliminam, principalmente mortas e que satura a corrente sanguínea, o fígado e os rins que não conseguem eliminar tantos patógenos mortos de uma vez. Assim, sempre, em casos graves de câncer ou qualquer doença, inicie com doses baixas e vá aumento até no máximo 25 m dia.

Procure ingerir bastante água e probióticos.

Demais orientações somente com o médico de sua confiança ou morfologista do sangue vivo.

Dessa forma, esteja ciente que ajudará sim, se bem usada, porém há inúmeros fatores a serem observados, devido a gravidade da doença.

Devemos ser honestos com quem sofre de mentiras o mundo já está saturado.

Qualquer dúvida, estamos a disposição.

Naturals Brazil

COMBATENDO MOFO E BOLOR COM A PRATA COLOIDAL

Postado em

Sabemos do poder da prata em geral e suas diversas partículas contra fungos e bactérias.

Porém você sabia que pode usar na limpeza da sua casa, principalmente em áreas com Mofo, limpando ou pulverizando? Gradativamente essas áreas vão tendo os fungos eliminados.

Diferente do que a maioria pensa, o mofo e o bolor não são exatamente a mesma coisa. Os dois são causados por fungos, mas enquanto o bolor apenas infecta os objetos, o mofo corrói o material afetado. O primeiro, em relevo, fica em tonalidade acinzentada e pode ser facilmente removido com pano úmido. Já o segundo deixa pontos pretos mais difíceis de serem retirados, principalmente em objetos fibrosos e tecidos.

A prata coloidal ideal para limpeza desse tipo, eliminação e prevenção é a de 100ppm.

Lembre-se que se houver infiltração, vazamentos, excessos de umidade, a causa deve ser sanada.

A prata coloidal mata os fungos da seguinte madeira:

a) Devido à liberação do íon prata na água ou no ar ambiente úmido, ocorre a ação catalítica deste íon destruindo a membrana plasmática das células das bactérias e dos fungos, pela diferença de potencial (eletropotência) entre a parte interna e externa das células.

b) Outra ação do íon prata, no ambiente úmido (água ou ar), está em penetrar na membrana plasmática da célula bacteriana ou do fungo, destruindo seu citoplasma.

O mesmo processo acontece com fungos conforme mostra em estudos interferindo na reprodução assexuada dos fungos.

Para eliminação total o tempo de contato cm a prata varia de 5 minutos a 30 minutos  dos patógenos expostos à prata coloidal.

COMO USAR A PRATA COLOIDAL PARA ELIMINAR MOFO ( FUNGOS NO AMBIENTE)

– Use prata de 100ppm liquida

– Coloque num borrifador ela pura e pulverize nas áreas afetadas, podendo ter feito uma limpeza no local antes.

– Em caso de infiltração, fonte de umidade, cuidar da causa, pois sabemos que muitos fungos chegam a penetrar até mesmo no concreto.

– Se for para manutenção de algum local, parede, móvel, você pode diluir a prata de 100 ppm em água de chuva ou água filtrada sem cloro, pois é uso externo, num proporção de 50% prata e 50% água.

COMO USAR PARA HIGIENIZAÇÃO DA CASA APÓS LIMPEZA, ENTRE OUTROS

– Sempre para uso externo a Prata Coloidal deve ser de 100ppm

– Spray de prata coloidal sobre e sob pias, armários, ou outros lugares úmidos para ajudar a prevenir e eliminar fungos e mofo.

– Spray de prata coloidal na roupa sazonal antes do armazenamento para eliminar o odor e bolor.

– Spray de prata coloidal no carro para eliminar odores.

– Use a prata coloidal rotineiramente em sua água de lavanderia de lavagem final, para desinfetar, e para adicionar proteção antimicrobiana de lençóis, fronhas, toalhas, panos de prato, fraldas, etc.

– Borrifar, tapetes, edredons cobertores, mantas, travesseiros, colchões, carpetes, cortinas, deixe secar, para fazer controle de ácaros e eliminar fungos.

– Spray de prata coloidal em roupas de caça, antes de uma viagem, para ajudar a eliminar o cheiro humano.

– Prata coloidal Spray em tigelas de alimentos secos para animais (especialmente no exterior) para ajudar a impedi-lo de moldagem em climas úmidos.

– Spray de prata coloidal no interior da geladeira, e nas caixas de armazenamento de alimentos, para evitar a propagação de fungos e bactérias.

– Spray de prata coloidal para cama para animais de estimação e permitir que o ar seco, a fim de impedir a propagação de fungos, mofo e germes.

– Spray de prata coloidal em torno da banheira, de higiene e boxe para evitar germes e evita mofo de crescer.

– Use a prata coloidal na banheira de hidromassagem no lugar de produtos químicos como cloro ou bromo (1 quarto por semana durante os períodos de uso pesado, ou 1 quarto por duas semanas, durante os períodos de baixo uso).

– Spray de prata coloidal em cima de frascos abertos de potes de doce, geleia e condimentos, bem como no interior das pálpebras antes de substituir, a fim de evitar o crescimento de bactérias no alimento que fica preso ao redor dos topos de contêineres.

– Spray de prata coloidal para filtros de ar condicionado após a limpeza, a fim de ajudar a desinfetar e matar patogênicos transportados sobre elas pelo fluxo de ar.

– Spray de prata coloidal para pendurar toalhas de banho, panos de lavagem e panos de prato e toalhas de secagem para ajudar a prevenir a acidificação e bolor.

– Spray de prata coloidal em dutos de casa e escritório de ar e aberturas para evitar que se tornem locais de reprodução para germes, fungos e mofo.

– Spray de prata coloidal em tapetes, cortinas e papel de parede para evitar mofo e bolor e eliminar ovos dos ácaros.

– Adicionar prata coloidal para beber água quando viajar ou acampar desinfetá-lo e mantê-lo fresco e puro, mais tempo.

– Spray de prata coloidal em recém-comprado (ou escolhido) frutas e legumes depois de lavá-los, para evitar o crescimento microbiano e mantê-los frescos por mais tempo.

– Leve um pequeno frasco de spray de prata coloidal em sua bolsa quando for  às compras, assim você pode pulverizar carrinho de compras antes de usar.

– Higienizar locais com queimaduras, acelerando a cicatrização e evitando infecção.

– Spray de prata coloidal em sua escova de dente depois de cada uso, para ajudar a desinfetá-lo e evitar o crescimento de germes.

– Pulverizar no box do banheiro após limpeza para evitar proliferação de mofo.

– Levar um frasquinho spray na bolsa de prata liquida ou gel de prata para higienizar as mãos.

Naturals Brazil

PRATA COM BORRIFADOR: https://www.naturalsbrazil.com.br/product-page/c%C3%B3pia-de-prata-coloidal-100-ppm-1l-naturals-adequar-a-dose-para-20ppm

PRATA 100PPM: https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-1111083005-prata-coloidal-naturals-brazil-100-ppm-1li-adaptar-a-dose-_JM

PRATA COLOIDAL MATA TOXOPLASMA GONDII VIA MUDANÇAS DE STATUS DE REDOX E POTENCIAL DE MEMBRANA MITOCONDRIAL DO PARASITA.

Postado em Atualizado em

 
 

Para quem não sabe, a Prata Coloidal não mata vermes adultos, ele atua nas membranas que revestem os ovos ou óvulos dos parasitas, como vermes, sarna, carrapato, pulgas, ácaros, etc ou adentra essas estruturas causando colapso nos mesmos. Assim, não havendo ovos, não há reprodução e o parasita adulto, tende a morrer no tempo determinado de vida dele, caso a pessoa não tome anti parasitário.

Essa pesquisa mostra a atuação das nano partículas de prata sobre o Toxoplasma, lembrando que mulheres grávidas e amamentando não devem tomar a prata, pois como vimos em outra publicação a prata acumula no feto ou bebê cerca de 2000 vezes o valor ingerido pela mãe.

ESTUDO

Este estudo avaliou o potencial anti- Toxoplasma gondii de nanopartículas de ouro, prata e platina (NPs). NPs inorgânicos (0,01-1,000 µg / mL) foram selecionados para atividade antiparasitária. Os NPs causaram> 90% de inibição do crescimento de T. gondii com valores de CE50 de ≤7, ≤1 e ≤100 µg / mL para NPs de ouro, prata e platina, respectivamente.

As NPs não mostraram citotoxicidade da célula hospedeira nas concentrações efetivas de anti- T. gondii ; o índice de seletividade estimado revelou uma atividade ≥20 vezes em relação ao parasita versus a célula hospedeira.

A atividade anti- T. gondii das NPs, que pode estar ligada à sinalização redox, afetou o potencial de membrana mitocondrial do parasita e a invasão, replicação, recuperação e potencial de infectividade do parasita. Nossos resultados demonstraram o potencial antiparasitário das NPs. Os resultados apoiam a exploração adicional de NPs como uma possível fonte de agentes anti- T. gondii alternativos e eficazes.

INTRODUÇÃO

O Toxoplasma gondii é um parasita intracelular pertencente à família Apicomplexa. 1 T. gondii é o agente causador da toxoplasmose, que é uma das doenças parasitárias mais comuns. 2 A toxoplasmose é comum porque o parasita tem baixa especificidade do hospedeiro e, portanto, pode infectar uma série de hospedeiros, incluindo quase um terço da população humana. 3 A infecção por toxoplasma pode ser assintomática em indivíduos saudáveis, mas fatal em grávidas ou indivíduos imunocomprometidos; tem sido associado ao aborto, anormalidades fetais e encefalite nesses indivíduos. 4 Em indivíduos saudáveis infectados com Toxoplasma , a multiplicação dos parasitas é tratada pelo sistema imunológico e pelas drogas administradas, mas os cistos permanecem em todos os tecidos infectados, incluindo o cérebro, servindo, assim, como fonte de exacerbações. Portanto, o tratamento eficiente de todas as células infectadas para prevenir a formação de cistos é imperativo.

As opções atuais de tratamento para pacientes com toxoplasmose são limitadas. Eles incluem o uso de drogas antimaláricas ou antibióticos, que muitas vezes causam efeitos colaterais significativos, incluindo a supressão da medula óssea e erupções cutâneas. 4 A terapia atual para toxoplasmose suprime a infecção ativa, mas não cura a infecção latente e é mal tolerada. Sem tratamento supressivo prolongado, até 80% dos casos recidivam e 20% -30% dos pacientes em recaída da terapia supressora. Os efeitos colaterais dos medicamentos levaram à descontinuação da terapia em até 40% dos pacientes. 3 , 5 Consequentemente, a toxoplasmose representa um grande ônus global que é ainda mais acentuado pelas deficiências das opções terapêuticas atuais. Esses fatores ressaltam a necessidade urgente de melhores drogas anti- Toxoplasma e / ou novas abordagens no tratamento da toxoplasmose. Um medicamento anti- Toxoplasma ideal seria potente, não tóxico e capaz de eliminar a infecção latente.

Há um interesse crescente em implantar a nanotecnologia para fins biomédicos, 6 e alguns relatórios sugerem que as nanopartículas (NPs) poderiam formar a maior parte das futuras estratégias de tratamento para várias doenças. 7 , 8 NPs já estão sendo explorados para aplicações biomédicas, devido ao seu tamanho em nanoescala e outras propriedades notáveis, incluindo reatividade de superfície. 9 Essas partículas podem produzir espécies reativas de oxigênio (ROS) que têm a capacidade de matar agentes infecciosos. 10 , 11 Além disso, o pequeno tamanho das NPs permite que elas atravessem barreiras de membrana, levando a uma maior reatividade. 12 Além disso, os NPs podem ser acumulados em tecidos, 13 apresentando, portanto, uma plataforma formidável para atingir os cistos de T. gondii nos tecidos do hospedeiro. De especial interesse são as NPs metálicas, como ouro e prata, que possuem atividade antimicrobiana, 14 , 15 atividade antiparasitária, 16 , 17 e outras bioatividades, incluindo a inibição seletiva de algumas atividades enzimáticas. 9 , 18 – 21 A versatilidade dos NPs metálicos 10 os torna uma opção atraente a ser mais explorada como agentes antiparasitários, particularmente contra a toxoplasmose. Aqui, nós exploramos o potencial de NPs metálicas como novos agentes anti- T. gondii usando modelos de infecção experimental in vitro.

ESTUDO COMPLETO
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC5339004/

CONCLUSÃO

Nossos resultados identificam AuNPs, AgNPs e PtNPs como candidatos promissores anti- T. gondii . Para nosso conhecimento, esta é a primeira evidência da atividade anti- T. gondii por AuNPs (Partículas de Ouro), AgNPs (Partículas de prata) e PtNPs.

Além disso, a ação antiparasitária destes NPs poderia estar ligada, em parte, ao status redox alterado através da produção de ROS. Esses novos resultados se somam ao crescente corpo de dados que apoiam a necessidade de explorar o potencial dos PNs dentro da comunidade nano médica. Investigações adicionais, incluindo avaliação in vivo, bem como avaliações do potencial anti- T. gondii de NPs modificados na superfície, estão em andamento com vistas a desenvolver uma nova e efetiva estratégia de tratamento para toxoplasmose aguda e / ou latente.

PRATA MATA BACTÉRIAS?

Postado em

SIM !!!!

 Como?

 Então vamos entender como acontece, ok?

Vulgarmente falando ou de modo simplificado diz-se que a prata mata as bactérias por asfixia. na verdade, é um processo um pouco mais complexo, onde a prata mata a bactéria por oxidação.

Vamos primeiro entender o que é uma bactéria.

 Bactéria

Bactéria (do grego βακτηριον, bakterion: bastão) é um domínio de micro-organismos unicelulares, procariontes (desprovidos de envoltório nuclear e organelas membranosas), antes também chamados Schizomycetes, pertencentes ao Reino Monera.

As bactérias são geralmente microscópicas ou submicroscópicas (detectáveis apenas com uso de um microscópio eletrônico). Suas dimensões geralmente não excedem poucos micrômetros, podendo variar entre cerca de 0,2 µm, nos micoplasmas, até 30 µm, em algumas espiroquetas. Exceções são as bactérias Epulopiscium fishelsoni isoladas no tubo digestivo de um peixe, com um comprimento compreendido em 0,2 e 0,7 mm e Thiomargarita namibiensis, isolada de sedimentos oceânicos, que atinge até 0,75 mm de comprimento.

Segundo o sistema taxonômico proposto por Robert Whittaker em 1969, constituíam o reino Moneras, juntamente com as chamadas “algas azuis” ou “cianofíceas” – hoje mais corretamente chamadas cianobactérias, .

A classificação (2003) proposta por Thomas Cavalier-Smith reconhece dois domínios:

Prokaryota, compreendendo Archaea e Bacteria;

Eukaryota, que inclui todos os demais organismos, tanto unicelulares quanto pluricelulares.

As bactérias podem ser encontradas na forma isolada ou em colônias. Podem viver na presença de ar (aeróbias), na ausência de ar (anaeróbias) ou, ainda, ser anaeróbias facultativas. Estão entre os organismos mais antigos, com evidência encontrada em rochas de 3,8 bilhões de anos.

Bactérias são os organismos mais bem sucedidos do planeta em relação ao número de indivíduos. A quantidade de bactérias no intestino de uma pessoa é superior ao número total de células humanas no corpo dela, por exemplo.

 Prata ionizada é a eficaz contra as bactérias

A prata é tida como um metal de transição na literatura química, juntamente com o cobre e ouro. Eles são metais que são mais pesados ​​do que a vida dando metais leves, tais como sódio, cálcio, potássio e, ainda mais leve do que os metais pesados ​​tóxicos, como o chumbo, arsênio e mercúrio. Ouro e prata são considerados metais nobres porque tendem a não reagir facilmente para formar compostos. Os metais de transição são conhecidos pelas suas propriedades catalíticas.

Apesar de prata iônico (tal como qualquer composto de prata dissolvido em água) tem muito pouco ou nenhum efeito catalítico, e prata macroscópica tem pouco efeito. Entretanto, a prata muito pó fino torna-se um excelente catalisador de oxidação. Começando com prata atômica ou iônica, os efeitos catalíticos aumentam com o tamanho de partícula até atingir um pico em algum valor, em seguida, cai para um nível muito mais baixo quando as partículas se aproximam do comprimento de onda da luz.

Isso é fácil de explicar, examinando como um catalisador funciona. Cada átomo de prata carregado positivamente irá atrair um átomo ou molécula carregada negativamente. Uma vez que eles tocam, a carga é neutralizada. Se tiver mais do que um átomo carregado positivamente de prata numa partícula, então cada um pode atrair um átomo ou partícula carregada negativamente. Se um grupo de átomos de prata se liga com duas partículas carregadas negativamente, tais como o oxigênio e algo mais, estas duas partículas deixarão eletrostaticamente, repelem-se mutuamente, mas serão trazidos em conjunto e reagem, oxidando a partícula.

Quanto maior for a partícula, os átomos de prata carregados mais positivamente podem atrair oxigênio e outras partículas carregadas negativamente para a superfície. No entanto, se o tamanho de partícula se torna muito grande, então a quantidade de prata escondida no centro da partícula significará que o aumento na massa, que sobe com o cubo do diâmetro, está a aumentar mais rapidamente do que as áreas de superfície ativos, que sobe na praça do diâmetro. O efeito catalítico picos assim em algum tamanho das partículas e diminui em relação à quantidade de prata se o tamanho é aumentado ainda mais.

As bactérias vêm em duas formas – anaeróbio e aeróbio.

No início deste século, foi descoberto pelo Dr. Gram que ele poderia manchar bactérias com uma coloração de Gram especialmente preparado, e que, em boas bactérias gerais manchados, mas as bactérias patogênicas não mancha. Foi descoberto mais tarde que as bactérias patogênicas são carregadas negativamente. As bactérias patogênicas são anaeróbias, e se oxidada vai morrer. Assim, para prevenir a oxidação, elas possuem uma enzima especifica para repelir o oxigênio carregado negativamente. Se esta enzima é desativada de modo a que eles perdem esta capacidade de carregar negativamente, ou, se o oxigênio é fornecido sob uma forma tal que é reativo a agentes patogênicos carregados negativamente, tais como água de ozono ou peróxido de hidrogênio, as bactérias irão se oxidar e a reação é, em última instância letal para o agente patogênico.

Segue-se então que as bactérias carregadas negativamente, e de oxigênio carregados negativamente, ambos serão atraídas e se ligarão com partículas de prata. Uma vez que a carga negativa é neutralizada através de uma transferência de elétrons com a partícula de prata cada agora pode facilmente se combinar com o outro, e vai fazê-lo, a oxidação do agente patogênico e destruí-lo.

Especificamente, foi determinado que com as bactérias anaeróbias e vírus de oxigênio reagem com os grupos sulfidrilo (-SH) em torno da superfície e remove o átomo de hidrogênio (convertendo-o em água), de modo que os átomos de enxofre formam uma ligação -RSSR. Isto interfere com proteínas de transporte ou membrana do organismo e vão desativá-los. (5)

Não só, ela pode resultar na oxidação catalítica das bactérias ou outros agentes patogênicos, mas uma vez que quase todos os patógenos são negativamente carregados e a prata é carregada positivamente, a prata e o patógeno são atraídos um pelo outro através de uma atração estática causando interações muito mais rápidas e, distâncias muito maiores do que seria esperado por pura chance de colisão.

No entanto “bactérias aeróbias, aqueles que usam o oxigênio na respiração, não carregam uma carga negativa. Isso permite que as bactérias boas atraim o oxigênio de que necessitam para respirar. Seria de se esperar que as bactérias aeróbias não fossem mortas pela prata.

No entanto, exames realizados na Universidade de Tennessee sob os nossos sentidos mostrou que a prata coloidal também é bastante eficaz em matar bactérias aeróbias. O método pelo qual as bactérias aeróbias são mortos ainda está sob investigação.

Foi previamente pensado que a razão que a prata coloidal não afeta as boas bactérias no intestino foi porque ela não matou bactérias boas. Nós provamos que isso é falso. Outras investigações indicam que a prata coloidal é incapaz de se mover e interagir com as bactérias quando em um gel ou matriz sólida.

Isto em conjunto com o fato de que a maioria, se não todos da prata, quando o tamanho da partícula é correto, vai ser absorvido através da mucosa do estômago e para a corrente sanguínea, provavelmente contas para a falta de matar as bactérias boas no intestino.

Importância do Tamanho da partículas

Deve ficar claro agora por coloides de prata são extremamente eficazes na destruição de bactérias patogênicas, mas não afetam as boas bactérias no intestino ou células de mamíferos. No entanto, os relatórios sobre a eficácia de coloides de prata, quando comparado com antibióticos normais, ainda parecem pôr em causa por que a prata é muito mais eficaz, muitas vezes perspectiva de cura em horas, quando poderosos antibióticos pode levar dias ou semanas.

Por  isso a importância de se usar a amperagem correta na produção da prata, para se obter o tamanho correto de coloides para fins terapêuticos.

Há uma série de razões pelas quais a  prata parece ter muito mais eficácia do que os antibióticos normais.

Aqui estão algumas delas:

  1. Prata coloidal é carregado positivamente; a maioria dos antibióticos não carregam uma forte carga positiva. Isso faz com que a prata para buscar praticamente fora e destruir os agentes patogênicos, em vez de simplesmente ter que se deslocar até acontecer de chocar-se com outro. Este efeito é muito apropriadamente referido como o “Silver Bullet” efeito por Beck.

2 Prata mata imediatamente por oxidação do agente patogênico. Os antibióticos não afetam vírus em tudo, e para as bactérias só vai matar as bactérias quando se tenta dividir (tipo penicilina, antibióticos) ou que possa impedir o patogeno da divisão (antibióticos do tipo tetraciclina). No primeiro caso, podem levar as bactérias vários dias antes de tentar dividir; e, no segundo caso, as bactérias não é morto de todo, mas apenas impedido de se replicar. Em ambos os casos, o sistema imunitário deve cuidar da maior parte ou de todos os agentes patogênicos.

Isso mostra que um sistema imunológico debilitado pode interferir na ação do antibiótico normal.

Com a prata, eles são simplesmente mortos imediatamente.

  1. A prata é um catalisador. Assim, logo que uma partícula de prata oxidou um agente patogênico, o patógenoperde a sua carga negativa e flutua para longe, e a prata é livre para atacar outro agente patogênico. O antibiótico geralmente liga-se com o agente patogênico e para cada fungo destruído, uma partícula ou molécula do antibiótico é usada acima.

O resultado é que a prata vai geralmente matar muito mais rápido do que um antibiótico. O lado negativo disso é que a alta e rápida taxa de matar pode resultar em reação ou cura crise de Herxheimer . O corpo simplesmente não tem tempo para eliminar a enorme quantidade de toxinas e patógenos mortos que pode resultar de água de prata.

Por isso a importância de uma alimentação alcalinizada e sadia e muito liquido.

Outras terapias que funcionam de forma semelhante, como a água ozonizada são relatadas por causar o mesmo problema. É altamente recomendável nunca dar inicialmente doses terapêuticas altas de prata coloidal para uma pessoa gravemente doente, mas para dar pequenas quantidades inicialmente e trabalhar até doses terapêuticas em um par de dias.Isso permite que a taxa de mortalidade de ser mantida onde o corpo pode eliminar os patógenos mortos e toxinas sem estresse. É claro, beber grandes quantidades de líquidos podem ajudar a eliminar as toxinas e deve ser incentivada.

Outros possíveis efeitos negativos

Como a maioria das pessoas sabe, a prata é usado como ingrediente foto-sensível em quase todos os processos fotográficos. Compostos de prata, quando exposto à luz, muitas vezes resulta na prata ser reduzida para prata atômica ou metálica. Então, na presença de um promotor, qualquer composto de prata que contactam com as partículas de prata também irá sofrer uma reação de redução, o alargamento da partícula de prata.

Enquanto este processo é essencial para a fotografia, que é indesejável na pele de uma pessoa. É considerado por muitos que o motivo que o royalty (reis e rainhas) há muito tempo eram chamados de sangue azul é porque a prata das taças e louças reagiriam com ácidos em suas bebidas e alimentos, então precipitar em sua pele, dando-lhes uma cor azulada.

Sabe-se que o consumo de compostos de prata, tal como nitrato de prata, seguido por exposição à luz solar pode resultar em um ou anilagem envelhecimento da pele, uma condição médica chamada argyria. Como se vê, uma série de produtos químicos que podem aparecer no sangue tornar os desenvolvedores bastante eficazes. A cafeína e taninos são apenas dois deles .

Por isso o FDA alerta em um de seus artigos que 905 dos caos de Argyria são provenientes da ingestão de nitrato de prata a e outros sais. As pessoas de forma irresponsável e sem orientação conhecimento fazem a prata achando ser coloidal, tomam em grandes quantidades durante muito tempo.

Felizmente, a prata coloidal, quando feita pelo processo eletrolítico em água destilada pura, sem quaisquer sais que está sendo adicionado, não produz compostos de prata. Assim, chapeamento de prata de prata coloidal não é possível; as partículas de prata já são reduzidas a prata pura, e são mutuamente repulsa, por causa de suas cargas positivas.

No entanto, se a prata coloidal é feita a partir de sais de prata por redução química, (como os produtos de nível elevado são ppm) vestígios de sais de prata pode permanecer.

Embora a prata metálica seja não-tóxica para os mamíferos, sais de prata são venenosas por causa dos catiões associados, e pode resultar em argyria , ou seja, outros compostos ou sais presentes na água..

Além disso, quando a prata coloidal é feita pelo processo eletrolítico e sal ou sal marinho é adicionado, sais de prata vão ser produzidos, bem. Apesar de, em caso de emergência, seria sábio fazer sua própria água de prata com técnicas previamente dadas pelo Dr. Beck, para uso a longo prazo todos exposição a sais de prata deve ser evitada. Deve-se usar apenas água destilada pura e a prata, compostos de sais aditivados deve-se ser usado somente por pessoas conhecedoras do processo e profissionais habilitados.

O uso de sal de cozinha (cloreto de sódio) irá produzir algum cloreto de prata. Isto é indesejável, e embora a quantidade de cloreto de prata é limitada por esta solubilidade em água fria a 89 PPM (6), isto é ainda uma quantidade significativa de composto de prata comapared com o montante na própria coloide (5 a 10 ppm).

O uso do sal do mar que muitas pessoas recomendam é especialmente preocupante. O sal marinho contém muitos compostos, incluindo vários nitratos e flúor. Muitos dos compostos podem combinar-se com prata para produzir compostos de prata. Especificamente prata pode combinar com nitratos formando um sal de nitrato de prata altamente solúvel e tóxico e com fluoreto de produzir fluoreto de prata altamente solúvel e tóxico. Nitratos com sal marinho pode chegar ao máximo de 20 ppm, e fluoretos são tipicamente 40 ppm (7).

Por conseguinte, a prata coloidal deve ser feita com água destilada pura para evitar a formação de quaisquer compostos de prata tóxicos. Se se deve utilizar um agente acelerador, em seguida, adicionando uma pequena quantidade de prata coloidal previamente produzido é recomendado, sobre a adição de qualquer tipo de sal.

Eficácia versus tamanho de partícula

Várias publicações indicam que para a absorção através da parede do estômago, as partículas devem ser 0,015 micron (15 nm) ou menor. Tradicionalmente, o tamanho de partícula foi determinado por microscopia electrônica. Esta técnica é bastante lento e tedioso, resultando num processo que é tanto lenta e imprecisa. A banda de absorção de coloides de prata aumenta em comprimento de onda, como o tamanho das partículas aumenta. Isto permite uma medição qualitativa sobre as dimensões das partículas em um coloide por utilização de um photospectrometer digitalização. Prata iônico tem uma banda de absorção no UV, e portanto, é praticamente claro. À medida que mais átomos de agregar em uma partícula, a banda de absorção se move da uv para o violeta, azul, verde, amarelo, laranja e vermelho.

Uma vez que a cor de uma substância é o complemento da cor absorvida, a prata coloidal vai passar de claro a muito leve amarelo, ouro, alaranjado, vermelho, azul e verde. (CC) p 65. Os coloides que contêm uma vasta gama de tamanhos podem absorver comprimentos de onda no espectro resultante em castanho e preto. É geralmente aceite que apenas clara de coloides de prata luz ouro possua partículas de tamanho suficientemente pequeno para serem eficazes, e para ser capaz de atingir a corrente sanguínea.

É nesse processo que as bactérias são mortas pela prata ionizada, carregada positivamente pela eletricidade e todos esses detalhes que passam desapercebidos de todos na produção da prata coloidal com água pura e destilada, que muitos não gostam , mas é assim que deve ser, pela configuração da fonte relativo a amperagem para que se possa produzir partículas de tamanho adequado para serem absorvidas para a corrente sanguínea sem danificar as bactérias intestinais, sobre a dosagem e o início do tratamento para que o organismo não se sature de patogênicos mortos, enfim, detalhes importantes que ninguém da importância e nós tentamos chamar sua atenção para eles.

Por isso seja responsável ao fazer e ao usar, pergunte, estude e leia muito.

Fontes:

– http://www.isaude.net/pt-BR/noticia/35324/geral/terapia-com-prata-torna-bacterias-mil-vezes-mais-sensiveis-a-antibioticos

–  http://news.rice.edu/2012/07/11/ions-not-particles-make-silver-toxic-to-bacteria-3/

– http://www.tetrahedron.org/articles/colloidal_silver/Colloidal_Silver_Research.html

– http://tudosobrebacterias.blogspot.com.br/

Usos para a prata que talvez você nunca imaginou

Postado em

Vai uma surpresa de uso racional da prata que você talvez nem imagine:

  • Spray de prata coloidal em poças de água parada no quintal, a fim de parar mosquito larva de eclosão.
  • Adicionar prata coloidal para sucos e leite para prolongar vida útil e ajudar a evitar a deterioração precoce, fermentação, deteriorando, clabbering ou gelar. ( 1 a 5ml a 20 ppm em um litro)
  • Adicionar prata coloidal para reservatórios de tanques de água engarrafada, para evitar algas e crescimento bacteriano.
  • Adicionar prata coloidal para shampoos, loções e cremes para dar-lhes qualidades desinfetantes e antimicrobianos. (desde que sejam fórmulas naturais e/ou artesanais e não industrializadas, pois pode haver alteração na química do produto)
  •  Spray de prata coloidal em suas axilas como um substituto dos desodorantes comerciais que são tóxicos e causam várias doenças.
  • Spray de prata coloidal sob pias, armários, ou outros lugares úmidos para ajudar a prevenir e eliminar fungos e mofo.
  • Spray de prata coloidal na roupa sazonal antes do armazenamento para eliminar o odor e bolor.
  • Spray de prata coloidal no carro para eliminar odores.
  • Use a prata coloidal em soluções de pic-água dentários para evitar o acúmulo de bactérias (e ajudar a parar de placa, para arrancar).
  • Use a prata coloidal rotineiramente em sua água de lavanderia de lavagem final, para desinfetar, e para adicionar proteção antimicrobiana de lençóis, fronhas, toalhas, panos de prato, fraldas, etc.
  • Spray de prata coloidal em roupas de caça, antes de uma viagem de caça, para ajudar a eliminar o cheiro humano.
  • Prata coloidal Spray em tigelas de alimentos secos para animais (especialmente no exterior) para ajudar a impedi-lo de moldagem em climas úmidos.
  • Spray de prata coloidal em plantas de casa ou plantas de jardim para ajudar a prevenir o crescimento de parasitas, fungos, bolores, e para ajudar a parar a podridão da raiz e a maioria das doenças de plantas.
  • Spray de prata coloidal no interior da geladeira, e nas caixas de armazenamento de alimentos, para evitar a propagação de fungos e bactérias.
  • Spray de prata coloidal para cama para animais de estimação e permitir que o ar seco, a fim de impedir a propagação de fungos, mofo e germes.
  • Spray de prata coloidal em torno da banheira, de higiene e boxe para evitar germes e evita mofo de crescer.
  • Use a prata coloidal na banheira de hidromassagem no lugar de produtos químicos como cloro ou bromo (1 quarto por semana durante os períodos de uso pesado, ou 1 quarto por duas semanas, durante os períodos de baixo uso).
  • Spray de prata coloidal em cima de frascos abertos de potes de doce, geléia e condimentos, bem como no interior das pálpebras antes de substituir, a fim de evitar o crescimento de bactérias no alimento que fica preso ao redor dos topos de contêineres.
  • Spray de prata coloidal para filtros de ar condicionado após a limpeza, a fim de ajudar a desinfetar e matar patogênicos transportados sobre elas pelo fluxo de ar.
  • Spray de prata coloidal para pendurar toalhas de banho, panos de lavagem e panos de prato e toalhas de secagem para ajudar a prevenir a acidificação e bolor.
  • Spray de prata coloidal em dutos de casa e escritório de ar e aberturas para evitar que se tornem locais de reprodução para germes, fungos e mofo.
  • Spray de prata coloidal em tapetes, cortinas e papel de parede para evitar mofo e bolor e eliminar ovos dos ácaros.
  • Adicionar prata coloidal para beber água quando viajar ou acampar desinfetá-lo e mantê-lo fresco e puro, mais tempo.
  • Adicionar prata coloidal para animal de estimação de água potável para ajudar a prevenir doenças e eliminar infecções. (5 ml por litro)
  • Adicionar prata coloidal para conservas, preservando ou engarrafamento para evitar a contaminação.
  • Spray de prata coloidal em recém-comprado (ou escolhido) frutas e legumes depois de lavá-los, para evitar o crescimento microbiano e mantê-los frescos por mais tempo.
  • Use a prata coloidal em água do banho para ajudar a acalmar a pele com coceira e promover a pele mais clara, com aparência mais jovem.
  • Use a prata coloidal como gargarejo para uma melhor saúde oral.
  • Use a prata coloidal em duchas para ajudar a aliviar odor vaginal.
  • Spray com prata coloidal em colchões, travesseiros e edredons para eliminar fungos e ovos de ácaros, principalmente para quem é alérgico.
  • Solução com prata para lavar a escovas de dente após o uso.
  • Misture um pouco de prata coloidal em água do seu animal de estimação, fontes, bebedouros etc, para evitar a propagação de bactérias e fungos, e manter o seu animal de estimação saudável e livre de infecção. (5ml por litro)
  • Use a prata coloidal em vasos de flores de corte para ajudar a prevenir o crescimento microbiano e manter as flores vivas por mais tempo. (10 ml em 1 litro)
  • Spray de chuveiros e banheiras com prata coloidal, para desinfetar e manter livre de germes.
  • Pulverize ou limpar bocais de telefone, tubo de caules, fones de ouvido, aparelhos auditivos, armações de óculos, escovas de cabelo, pentes, etc., com prata coloidal para evitar a propagação de germes.
  • Leve um pequeno frasco de spray de prata coloidal em sua bolsa quando for  às compras, assim você pode pulverizar carrinho de compras antes de usar.
  • Higienizar locais com queimaduras, acelerando a cicatrização e evitando infecção.
  • Spray de prata coloidal em sua escova de dente depois de cada uso, para ajudar a desinfetá-lo e evitar o crescimento de germes.

Prata coloidal uso em plantas

Postado em

 

 

 

As plantas, como os animais são atingidos por agentes patogênicos, como bactérias, vírus, fungos, larvas e seivas, para não mencionar que eles são alimento para muitos insetos e seus descendentes. Existem milhares de pesticidas químicos de baixo custo e repelentes, óleos vegetais naturais caros e outros tratamentos, mas a uma luz brilhante para a vitalidade da planta é prata coloidal custo extremamente baixo.

 

   O EPA mostra que a prata é um biocida oligodinâmico, ou seja, é fatal para as formas de vida primitivas, como bactérias, vírus, príons, ovos, etc , ainda prontamente utilizados por células mais complexas para matar patógenos. 

 

    A prata é totalmente seguro para plantas, animais e células de insetos (formas de vida maduros). Muitos insetos, como abelhas  são benéficos às plantas, porém os inseticidas químicos podem ser prejudiciais para as plantas e esses insetos. 


   Aplicado como uma névoa nas  folhas e caules de plantas a prata  pode ser absorvida pelas células vegetais, para ajudar nos sistemas imunitários destruição natural de patogênicos de plantas, enquanto ao mesmo tempo pode destruir ovos na planta, rompendo o ciclo de vida de insetos alvo. 



   Em vários lugares, a prata tem controlado o mosaic vírus do tomate,  o ovo flor de manga que faz com que broto gota, mata a ferrugem, etc.  As sementes germinam em 100% e crescem de forma robusta quando embebido em prata começar a brotar saudáveis, etc,  nas plantas de tomate jardim pulverizadas algumas vezes vai produzir rendimentos enormes, devido à maximizada vitalidade da planta e redução de ataques de parasitas.


  Nos dados do Epa, você pode ver que não à casos graves de uso da prata nem em humanos, animais ou plantas: http://www.epa.gov/iris/subst/0099.htm#oralrfd,  desde que seguida as dosagens recomendadas.

 

  Muito usada no exterior em fazendas e jardim como pesticida, fungicida, etc, a prata coloidal  apresenta grande eficácia sem danos a insetos e a planta. Abaixo alguns desses diversos artigos (Se desejar use o trator nativo do Google Chrome):

 

 

–  Prata coloidal como fertilizante de plantas

 

– Prata coloidal usada em jardins e plantas em geral:

 

–  Usando a prata coloidal em sementes de plantas:

 

– Como fazer suas próprias sementes feminizadas usando prata coloidal ou Rodelization (também aprender a fazer spray de prata coloidal):

     http://www.growweedeasy.com/how-to-make-your-own-feminized-marijuana%20seeds

 

–  Chronic Health Hazard Assessments for Noncarcinogenic Effects

 

–  Diversos links:

 

 

     Não encontrei  nenhuma bibliografia com dosagens especificas para cada caso de problemas com plantas, apenas essa citação:

 

Nota: Este link não está funcionando no momento.

“As soluções de prata diluído também são úteis para a germinação de sementes em plantas não comestíveis saudável e couve flor. Para pulverização de folhas e flores recomendamos 5 ppm (não diluída) de um colóide ou coloidal ou amarelo.”

Mark Metcalf – leia mais no link a”

 

 

 

  Caso encontre algo mais espicífico atualizarei a postagem.

 

  Obrigado a todos.